Crescimento de 54% no investimento imobiliário em Portugal

De acordo com a CBRE – O maior gestor de investimento imobiliário do mundo – o investimento imobiliário em Portugal cresceu 54% em 2018 em comparação com 2017. E deverá continuar este ano.

Embora a CBRE acredite que o investimento em Portugal irá diminuir, isso não afectará às zonas residênciais e de hospitalidade. “O setor das residências de estudantes é atualmente o que desperta maior interesse, e onde se deverá verificar um maior investimento em 2019…” CBRE.

Na área de construção, CBRE diz que o volumem de construção se encontram principalmente nos projectos de reabilitação, geralmente de pequena escala, nos centros de Lisboa e Porto.

Por outro lado, para a área comercial, o consultor estimou que este ano, a renda vai continuar a subir nas áreas mais consolidadas, com um estimado aumento “na ordem dos 5% em Lisboa e 10% no Porto”.

Invista com conhecimento, invista em Portugal

Fonte: Observador.pt – Mercado Imobiliário

O país exporta cada vez mais equipamentos e serviços tecnológicos

A economia portuguesa está aberta ao comércio e investimento externo; o comércio representou 80% do PIB em 2015. A adesão à UE mudou a estrutura das exportações e importações portuguesas. O país exporta cada vez mais equipamentos e serviços tecnológicos, em vez dos tradicionais produtos agrícolas ou produtos da indústria têxtil e do vestuário.

Portugal tenciona duplicar as suas exportações agrícolas até 2020. A União Europeia é o principal parceiro comercial de Portugal, com Espanha, Alemanha, Reino Unido e França como os países mais importantes nesse bloco. Os principais clientes de Portugal fora da UE são Angola e China.

Invista com conhecimento, invista em Portugal